sexta-feira, 15 de junho de 2012

Tendinite da cabeça longa do bíceps


Em mais de 90% dos casos, é secundária a uma síndrome do impacto e é raro encontrar isolado , uma vez que o tendão do bíceps está sujeito à mesma tensão do manguito rotador . os sintomas são: dor na frente do ombro, geralmente irradiação para a face anterior do braço ou deltóide e pescoço. Aumenta com a rotação e atividade (elevação do ombro) e desaparece com o repouso. A palpação do sulco bicipital é dolorosa. Em casos avançados, pode haver contratura de flexão.
Se houver ruptura de tendão, espontânea ou por estresse, aparece o sinal de Popeye com abaulamento do ventre muscular.
Testes especiais

Teste De Speed

Posição do paciente: paciente em pé, em frente ao examinador com o membro superior em posição de extensão máxima, supinação e rotação externa.
Descrição do teste: o terapeuta deverá impor uma resistência ao movimento de flexão do membro superior do paciente estando o mesmo com o cotovelo em extensão. Este teste serve para detectar a presença de inflamação na bainha que recobre a porção longa do músculo bíceps.
Sinais e sintomas: durante o teste, o paciente refere dor localizada na porção inicial do tendão do bíceps no sulco intertubercular ou ainda impotência funcional de todo o membro superior quando da presença de uma inflamação.

Teste De Yergason

Posição do paciente: sentado ou em pé, com o cotovelo a 90° ao lado do corpo e com o punho cerrado e em pronação.
Descrição do teste: Nesse teste, o terapeuta coloca uma das mãos sobre o sulco intertubercular do ombro e a outra mão sobre o punho do paciente. O terapeuta realiza então um movimento no sentido da extensão do antebraço e resiste ao movimento de supinação do antebraço e rotação externa efetuado pelo paciente. O teste de yergason serve para identificar tendinites ou tenossinovites do bíceps como também poderá revelar uma instabilidade do tendão do bíceps no sulco intertubercular.
Sinais e sintomas: No caso de instabilidades do tendão do bíceps, o terapeuta ouvirá um estalido nítido seguido ou não de dor. Já em casos de tendinites ou tenossinovites o teste será positivo pelo aparecimento da condição dolorosa.
 

Teste inespecífico do o tendão do bíceps

Dor ocorre no sulco bicipital ao tentar supinar o antebraço contra resistência com o cotovelo em flexão.

 
Hueter de teste

Consiste numa tentativa de resistência à flexão e supinação com o cotovelo flexionado. Ele forma uma saliência no braço (sinal do Popeye ) se houver ruptura do tendão do bíceps.

Ultra-sonografia e ressonância magnética são úteis no diagnóstico.

Tratamento

Injeção intra-articular com corticosteróides e anestésicos para o tratamento
da porção intra-articular do tendão do bíceps é útil para alívio da dor, mas tem o risco de favorecer a ruptura do tendão ou infecção. Tem
efeito limitado e não influencia a longo prazo .
O ultra-som pulsado por 10 minutos tem efeito analgésico e fibrolítico, interessante nas fibroses degenerativas, especialmente na cabeça longa do bíceps e é mais eficaz associado a associado ao exercício. A massagem profunda transversa de Cyriax, tem bom resultado em dois terços dos pacientes com tendinopatia do bíceps.

JUAN PLAJA, Analgesia por Medios Físicos, McGraw-Hill,Madrid,2003.

Nenhum comentário:

Postar um comentário